Modelos
Path 2@2x

06.01.2022

ŠKODA ENYAQ 𝗶V e ŠKODA FABIA

ŠKODA ENYAQ iV e ŠKODA FABIA considerados como "os melhores carros da categoria de 2021" no teste do Euro NCAP.

 

› Os dois modelos da ŠKODA são considerados como os veículos mais seguros em 2021 nas respetivas categorias no teste do Euro NCAP

› ENYAQ iV e FABIA destacam-se com os melhores na proteção dos ocupantes

› ŠKODA atingiu a classificação máxima de cinco estrelas em todos os 14 modelos testados desde 2008

O Programa Europeu de Avaliação de Novos Carros (Euro NCAP) nomeou o SUV ŠKODA ENYAQ iV e a quarta geração do ŠKODA FABIA como os melhores das suas categorias nos testes realizados durante o ano de 2021. Isso significa que os dois modelos foram os mais seguros de todos os veículos testados nas respetivas classes em 2021. Até ao momento, o ENYAQ iV é o SUV mais seguro no teste de segurança referente a colisões, contabilizando 86 por cento do total de pontos possíveis. Enquanto isso, o novo FABIA, com 78 por cento, alcançou a melhor pontuação de todos os carros compactos testados em 2021. A ŠKODA é o único fabricante a estar representado com dois veículos entre os vencedores de "Os melhores carros da categoria de 2021". Todos os 14 novos modelos ŠKODA lançados desde 2008 receberam a classificação máxima de cinco estrelas no teste do Euro NCAP.

O Euro NCAP divulga regularmente uma lista dos veículos que alcançaram o melhor resultado nas suas categorias nos testes de referência em termos de segurança em colisões realizados durante o ano anterior. Para 2021, estes "Melhores Carros da Categoria" incluem dois modelos da ŠKODA: o ŠKODA ENYAQ iV na classe dos SUV e o ŠKODA FABIA na classe dos carros compactos. Tal possibilita à ŠKODA ser o único fabricante a ter dois vencedores nas respetivas categorias em 2021. O ENYAQ iV e o FABIA são o décimo terceiro e décimo quarto novos modelos da ŠKODA a receber a classificação máxima de cinco estrelas desde 2008. Em 2014, a terceira geração do FABIA também foi eleito como o melhor na sua categoria. À medida que as exigências dos testes do Euro NCAP se tornam mais rígidas anualmente, a comparação dos melhores da classe é feita apenas nos anos de 2020 e 2021, para que todos os veículos sejam avaliados de acordo com os mesmos padrões.

O ŠKODA ENYAQ iV recebeu a classificação máxima de cinco estrelas e uma pontuação geral de 86 por cento do total de pontos possíveis no teste Euro NCAP de 2021. O primeiro veículo da ŠKODA baseado na plataforma modular MEB do Grupo Volkswagen obteve resultados excelentes nos testes abrangentes de colisão e segurança do Programa Europeu de Avaliação de Novos Carros, particularmente em termos de proteção dos ocupantes. Com 94 por cento dos pontos disponíveis para a proteção dos ocupantes adultos e 89 por cento para a proteção das crianças, o SUV da ŠKODA bateu um novo recorde nos testes do Euro NCAP, que foram mais uma vez tornados mais rigorosos, em comparação com 2020. Desde então, esta percentagem só foi superada uma vez, por um veículo de uma classe premium.

No teste do Euro NCAP, o novo ŠKODA FABIA beneficiou de um aumento adicional em termos de segurança devido à utilização da nova plataforma transversal modular MQB-A0 do Grupo Volkswagen, que agora permite, entre outras melhorias, a utilização de sete modernos sistemas de assistência. A quarta geração deste best seller somou 78 por cento dos pontos máximos disponíveis e, como o ENYAQ iV, destacou-se particularmente na área da proteção de ocupantes, com 85 por cento dos pontos possíveis para proteção de ocupantes adultos e 81 por cento do máximo de pontos para a proteção de crianças.

O Programa Europeu de Avaliação de Novos Carros (Euro NCAP) é uma entidade independente fundada em 1997 por ministérios dos transportes, clubes automóveis, seguradoras e institutos de pesquisa de oito países europeus. O consórcio tem sede na cidade belga de Leuven. Realiza testes de colisão em modelos de veículos atuais e avalia a sua segurança ativa e passiva. Nos últimos anos, os testes têm-se tornado mais rigorosos e agora incluem vários cenários de colisão. Embora inicialmente apenas os resultados dos testes de colisão fossem avaliados, as classificações dos sistemas de segurança ativa, bem como dos sistemas de assistência ao condutor, têm agora um peso maior na avaliação geral.